Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Malik, uma outra forma de poesia

Malik, uma outra forma de poesia

08
Jun21

Ciúme

Malik

 

ciúme1.JPG

 

 

Andava meio cismado

por ver-te entediada,

nada fiz de errado

nunca saí do teu lado

mas senti-te melindrada;

 

Mudanças súbitas de humor

mostravam insegurança,

o teu olhar perdeu fulgor

fugias do nosso amor

ser feliz era lembrança;

 

Sentados a conversar

sobre nós e sem queixume,

acabei por constatar

o que nos estava a assombrar

era só o teu ciúme;

 

Será possível amar

verdadeiramente sem ciúme?

Depois de te abraçar,

sem nada para perdoar,

reacendemos o lume.

 

 

Malik

 

 

05
Jun21

Lagoa

Malik

 

lagoa1.jpg

 

 

Lá fora, o frio magoa.

 

Viajo no nevoeiro

que paira sobre a lagoa

deixando-me ficar olhando

pela vidraça

como que saboreando

memórias numa barcaça

que se estão afundando.

 

Tempo que vem

que nos trouxe sorriso

e momentos no paraíso,

tempo que passa

e o sonho despedaça

o grito amordaça

e continua passando.

 

Cá dentro, o frio magoa.

 

 

Malik

 

 

01
Jun21

Uma criança #2

Malik

 

umacriança2.jpg

 

 

A criança corria

o mundo fugia

debaixo dos pés,

ia crescendo

na onda do tempo

ao sabor das marés;

 

Oferecia magia

criava alegria

risos eram mil,

seu olhar brilhava

enquanto brincava

no parque infantil;

 

Cantava

saltava e dançava

inocência sem dor,

qual flor delicada

nascida e criada

em ninho de amor;

 

Mundo de cor

estrela calor

arco-íris no ar,

rosa sem espinho

ternura e carinho

a desabrochar;

Pétalas encarnadas

talvez encantadas

por fada de luz,

ventos de harmonia

de noite e de dia

ainda sem cruz;

 

Da tranquila idade

para a mocidade

sem poder escolher,

aquela criança

depois da bonança

será uma mulher;

 

Tanta felicidade

lembrará mais tarde

no livro da vida,

da infância pura

ingénua e segura

já não permitida;

 

Falará de saudade

e da liberdade

de que usufruiu,

nostalgia dum tempo

tão simples e lento

que ontem partiu.

 

 

Malik

 

 

29
Mai21

Sonhos

Malik

 

sonhos1.jpg

 

 

Semeei sonhos nas minhas noites

para afastar os pesadelos,

fantasmas que me davam açoites

ou me afagavam os cabelos;

 

Nunca soube se lá estavas

como actriz ou figurante,

todas essas madrugadas

são agora águas passadas

em estado delirante;

 

Despertar num mar de medo

transpirado em terror,

vivendo isto em segredo

como se fosse um bruxedo

mesmo feito por amor;

 

Só que amar não é isso

posse não é permitido,

está para além do proibido

pois amar só tem sentido

se nada há de submisso;

 

Hoje a tranquilidade me invade

colho da sementeira

sonhos de liberdade

sem ciúme, sem tempestade

e durmo a noite inteira.

 

 

Malik

 

 

26
Mai21

Ventos

Malik

 

ventos1.jpg

 

 

Ventos

de outros tempos

trouxeram-nos até aqui.

Agora,

deitado a teu lado

fico acordado

alinhavando o sonho,

arrumando o passado.

Agora,

ventos deste tempo

sopram-me ao ouvido

vivam o momento

esqueçam o tempo

do vento antigo.

O vento que chega

o vento que fala

não é de ninguém

e felizmente

ninguém o cala.

 

 

Malik

 

 

23
Mai21

Frágil

Malik

 

M_.JPG

 

 

Não mais há momento

para abraço frio

distância ou desvio

de sonhos escondidos

perdidos no tempo.

 

Procuro e não tenho

esboço ou desenho

isento de ironia,

sem qualquer sedução

chamo a solidão

para companhia.

 

Ilusões de memória

não fazem história

do que não se passou,

mas ainda assim

falando por mim

ganhou quem amou.

 

 

Malik

 

 

20
Mai21

Tormenta

Malik

 

tormenta1.jpg

 

 

No labirinto de amar

sempre iremos encontrar

as ratoeiras da vida,

lágrimas irão rolar

sonhos desmoronar

felicidade despida;

 

Contos de fadas só em livros

ou em filmes coloridos

na tela de um cinema,

mas temos momentos vividos

com verdadeiros sentidos

já escrevemos um poema;

 

Quando a tormenta passar

abre as janelas de par em par

e deixa a porta encostada,

as nuvens vão-se afastar

a luz do sol vai entrar,

se eu chegar não digas nada;

 

Conversa comigo em silêncio,

perdoa-nos com um olhar

e deixa o nosso amor falar.

 

 

Malik

 

 

16
Mai21

Estrela do mar

Malik

 

estreladomar.jpg

 

 

Um céu estrelado, a luz do luar

convida a procura de alguém para amar,

descalça na areia, calçada na dor

na praia da vida, deserta de amor;

 

Coração dorido, cupido ausente

sonhos sem sentido, olhar indiferente,

gestos vazios, mente a divagar

passo titubeante, lágrimas a brotar;

 

E eis senão quando do fundo do mar

emerge uma imagem que a fica a mirar,

um anjo talvez, intervenção divina

ondas de emoções e de adrenalina;

 

Pensamentos trocados num raio de luz

rasgando as sombras que a tristeza produz,

mensagem de fé, esperança a renascer

um novo amanhã, amar sem sofrer;

 

Desfez-se a visão, ficou o momento

tão belo, tão mágico, de paz e alento,

agradeceu ao céu aquele carinho

pediu protecção para todo o caminho;

 

Acordou a sorrir, no olhar um brilho vivo

tivesse mais sonhos assim e escreveria um livro,

sentou-se na beira da cama e nem queria acreditar

tinha à cabeceira uma... estrela do mar.

 

 

Malik

 

 

13
Mai21

Sementes

Malik

 

sementes1.jpg

 

 

Há sementes que lançamos

sem consciência do feito,

ficam caminhos minados

de desencontros, enganos

e de lágrimas no peito;

 

Se a consciência é severa

tudo vai esmiuçar,

por mais longa que seja a espera,

sem quimera mas sincera

resposta vai encontrar;

 

Certo é que raramente

a solução é serena,

nós lançamos a semente

fizemos gente contente

saímos pela porta pequena;

 

Tudo na vida é lição

e nas coisas do coração

semear não é excepção.

 

 

Malik

 

 

10
Mai21

Cada passo

Malik

 

cadapasso2.jpg

 

 

Cada passo dado

é caminho, é passado

que não se vai repetir,

a vida avança em frente

dá a mão àquela gente

que contigo quer seguir;

 

Cada passo com esperança

sem esquecer a lembrança

do que não te acrescentou,

veste-te de confiança

esquece qualquer cobrança

o passado atrás ficou;

 

Cada passo um momento

de alegria ou tormento

é vida a acontecer,

castelos de areia caídos

novos sonhos construídos

num contínuo renascer;

 

Por caminhos e estradas

o futuro a cada instante

feito em novas passadas.

 

 

Malik

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Junho 2021

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub