Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Malik, uma outra forma de poesia

Malik, uma outra forma de poesia

12
Out20

Stress

Malik

 

stress1.jpg

 

 

Andando pela calçada sem sentido ou direcção

mais parecia alma penada,

confusa e atordoada

no meio da multidão;

 

Fugi da civilização

e rumei à natureza,

na procura de beleza

que calasse a confusão;

 

Entrei num bosque profundo

procurando sensações

p´ra  libertar as tensões

que reinavam no meu mundo;

 

A paisagem deslumbrante

logo me arrebatou,

tudo em mim silenciou,

até o tempo, nesse instante;

 

Sentei-me a reflectir

porquê tanta insatisfação

se com um pouco de paixão

a vida nos faz sorrir;

 

Com sorrisos a crescer

e abraços de ternura,

encontraremos a cura

desta forma de viver;

 

Em mim nasceu uma canção

com o dom de encantar,

despertou-me a caminhar

para longe da ambição.

 

 

Malik

 

 

10
Out20

Casaram-se...

Malik

 

casaram-se...2.jpg

 

 

Quando ela passava

desfilando formosa

todo ele sorria,

mais parecia uma fada

com cheiro de rosa

que alegrava o seu dia;

 

Sorriso de estrela

tinha tranças pretas

vestido de flores,

e ele à janela

via borboletas

de todas as cores;

 

Ela achava-o engraçado

pintou uma aguarela

com ambos a dançar,

ele tinha sonhado

que era com ela

que ia casar;

 

Foram crescendo,

nasceu linda amizade

nada os separava,

até que um dia temendo

e com grande ansiedade

lhe perguntou se o amava.

 

Casaram-se...

 

 

Malik

 

 

09
Out20

De volta

Malik

 

devolta1.jpg

 

 

Forte chuva e trovoada

numa noite de outono,

eu de alma embrulhada

a pensar, sem fazer nada,

ao encontro do abandono;

 

Digerindo a recente despedida

sentado junto à lareira

tentando lamber a ferida,

para viver na minha vida

tinhas que ficar inteira;

 

Disseste que ias pensar

respeitei o teu desejo,

mas um carro ouvi parar

eras tu a regressar

à procura do meu beijo;

 

E como foi bom amar

numa entrega sem igual,

corações a palpitar

o desejo a disparar

em fantasia real;

 

Teus olhos da cor do mar, os trovões a ribombar,

sós,

entre a luz da lareira e o crepitar da madeira.

 

 

Malik

 

 

08
Out20

Quero voar

Malik

 

querovoar1.jpg

 

 

Quero voar com as fadas

nas nuvens que são almofadas

dos que gostam de sonhar,

vaguear pelo espaço

envolver no meu abraço

aquele que está a chorar;

 

Voar sobre os continentes

observar as diferentes gentes

que não param de labutar,

tristes ou sorridentes

ricas ou indigentes

fazem o mundo avançar;

 

Voar e ter a ousadia

de procurar noite e dia

os jardins da felicidade,

mostrar a quem quiser ver

que nada tem a perder

o que vive com verdade;

 

Quero com os anjos voar

ir com eles visitar

estrelas e constelações,

trazer desse pó sagrado

que não há em nenhum lado

para aquecer corações;

 

Quero voar, voar, voar

quero voar sem parar...

 

 

Malik

 

 

07
Out20

Aprender

Malik

 

aprender1.jpg

 

 

Quando tudo perdeu o encanto... acabou a aventura...

Quando olhas para os lados e não vês mais que desdém...

Quando nómada te sentes e nada já te segura...

Segue o caminho que é o teu, aprende que de mais ninguém.

 

Quando tudo de ti deste e mais não tens para dar...

Quando te sentes exausto e prestes a desistir...

Quando cais e não tens forças para te levantar...

Segue o caminho da coragem, aprende a persistir.

 

Quando a luz foge de ti e já nem sombra produzes...

Quando a lua se apaga p’ra que fiques na escuridão...

Quando o mundo, contra ti, desliga todas as luzes...

Segue o caminho da esperança, aprende a ver com o coração.

 

Quando o sol desperta e a alma acorda...
Quando o tempo dá tréguas e paz...
Quando a vida passa...e te enlaça...
Segue o caminho dos sonhos, aprende a ser feliz.

 

Quando te sentires um eterno aprendiz...

Continua a sonhar...

Segue o caminho dos sonhos, aprende a ser feliz.

 

 

Malik

 

 

05
Out20

Idades

Malik

 

idades1.jpg

 

 

Há jovens que estão velhos

e idosos com juventude,

desconfia dos espelhos

não abraces seus conselhos         

em imagem que ilude;

 

Olha bem teu interior

lá se encontra a tua idade,

se a pouco ou nada dás valor

e a vida perdeu sabor

já a juventude é saudade;

 

Mas se vires alguns sinais

do que foi uma criança,

vai fundo, procura mais

e não desistas jamais

neles mora a tua esperança;

 

A velhice vai-se instalando

na rotina consentida,

no sonho perder encanto

no riso que vai mingando

a cada dia de vida.

 

 

Malik

 

 

02
Out20

Um Anjo no caminho

Malik

 

umanjonocaminho1.jpg

 

 

Cansado da vida, no stress enjaulada, decidi partir

mochila às costas,  fiz-me ao caminho, sem saber por onde ir,

dias a fio, andei sem destino, sem olhar para trás

colinas e rios, vales e montanhas, procurando por paz;

 

A noite caía, pegava na lua, p’ra minha almofada

ficava pensando, buscando um sentido, p’rá vida pesada,

olhava as estrelas, sentadas no céu, bem perto de Deus

sorrindo aos homens, até à aurora, hora do adeus;

 

Antes de dormir, fazia uma prece, de amor e perdão

pedindo aos anjos, duendes e fadas, que me dessem a mão,

na última noite, um Anjo desceu, e veio até mim

contou-me um segredo, regressou voando, para o seu jardim;

 

Quando acordei, pensei que estava, ainda a sonhar

lembrei do segredo, ergui-me sem medo, decidi voltar,

todo o caminho, percorri sozinho, sem pranto ou dor

cheguei ao destino, para dar carinho, e falar de amor.

 

 

Malik

 

 

01
Out20

Sei que me esperas na foz

Malik

 

seiquemeesperasnafoz1.jpg

 

 

O rio corre p’ro mar

nele flutuo até à foz,

sigo o curso a divagar

deixando-me navegar

ao encontro de um nós;

 

Esse encontro está a casar

há muito o nosso destino,

chegou o tempo de aceitar

que é hora de assentar

e cumprirmos o caminho;

 

A boémia acabou

o passado diz-nos nada,

a vida nem começou

o sol ainda não acordou

vamos pegar essa estrada;

 

Aguardas-me ansiosa

sem sombras na tua voz,

estarás perfumada de rosa

delicada, maravilhosa,

sei que me esperas na foz;

 

Sei que me esperas na foz...

Onde o rio encontra o mar, começaremos o nós...

 

 

Malik

 

 

Pág. 2/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Outubro 2020

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub