Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Malik, uma outra forma de poesia

Malik, uma outra forma de poesia

28
Jan21

Viver

Malik

 

viver2.jpg

 

 

Viver não é respirar

mas também não sei bem o que é,

já perguntei a ninguém

que para mim ficou a olhar

como que a indagar

com desdém e estupefacto

mas de facto,

sem resposta para me dar;

 

Resta-me continuar a procurar

mas enquanto resposta mais completa não encontrar...

 

Viver é amar!

 

 

Malik

 

 

26
Jan21

A viagem

Malik

 

aviagem1.jpg

 

 

Cada um trilha o caminho

ora acompanhado ou sozinho

no ondular do mar que é a vida,

sem bússola nem estrela do norte

certeza de um navegar à sorte

de concreto... só o porto de partida;

 

Bonanças e tempestades

aparências e verdades

fazem parte da viagem,

ter de escolher a cada momento

pode ser mais um tormento

porque o erro não tem margem;

 

Mas tudo valerá a pena

com alma grande ou pequena

a meta final será atingida,

ninguém pare ou perca coragem

tenham presente a mensagem:

O amor é o sal da vida.

 

A viagem mais encantou

aquele que mais amou...

 

 

Malik

 

 

23
Jan21

Em silêncio...

Malik

 

emsilêncio1.jpg

 

 

Queria muito dizer-te muito...

dentro de muito silêncio...

e que tu me respondesses...

afirmativamente...

em silêncio...

 

Um silêncio mais um silêncio, igual a um silêncio só...

um ser mais um ser, igual a um só ser...

almas sorrindo...

corações se fundindo...

em silêncio...

 

No silêncio da noite...

no silêncio das estrelas, do luar...

abrirmos em silêncio o livro da vida...

escrevermos o nosso poema de amor...

em silêncio...

 

Em silêncio...

 

 

Malik

 

 

21
Jan21

A rapariga que roubava flores

Malik

 

araparigaqueroubavaflores2.JPG

 

 

Até não era traquina

aquele amor de menina

daquela pequena aldeia,

apanhava flores no campo

em cada uma o encanto

de um tesouro de mão-cheia;

 

Foi crescendo e foi mudando

pelos caminhos ia roubando

as flores que estavam à mão,

nisso ela não mudou

foi um amor que ficou

e uma doce tentação;

 

Era já uma donzela

muito linda, muito bela

não lhe faltando amores,

ainda e sempre atrevida

apaixonada pela vida,

só pecando pelas flores;

 

Ela é hoje uma mulher

que sabe bem o que quer

mas continua a roubar,

nunca irá desistir

não consegue resistir

às flores, ao passar...

 

 

Malik

 

 

18
Jan21

Interrogação

Malik

 

interrogaçao2.jpg

 

 

Uma noite diferente,

uma estrela cadente,

a saudade dói demais,

displicente,

divergente,

não entendi os sinais;

 

Sentimentos controversos,

pensamentos dispersos,

paira uma interrogação,

afinal o que é a verdade

para além da simplicidade

das razões do coração?

 

 

Malik

 

 

15
Jan21

Formatação

Malik

 

formataçao2.jpg

 

 

Sinto-me um feliz vagabundo

num mundo que vive ao segundo

sufocando o ser humano,

de alma já definhada

dei por mim a não querer nada

e a abandonar o rebanho;

 

Sem ponta de arrependimento

sou agora dono do tempo

que volto a sentir passar,

disse adeus à hipocrisia

abracei um novo dia

com outra forma de estar;

 

Até as cores ganharam vida

após a minha saída

do fato padronizado,

o olhar e não ver

e o viver por viver

fazem parte do passado;

 

Algo vai mal nesta sociedade formatada,

amanhã serão bem mais

a dar por si e a não querer nada!

 

 

Malik

 

 

12
Jan21

Imprevisto

Malik

 

imprevisto2.jpg

 

 

Na previsibilidade dos dias

foste o meu imprevisto.

Chegaste como quem nada quer,

aproximaste-te de mansinho

em mim entraste devagarinho

quase sem eu dar por isso.

Acordei, omisso ou submisso,

nem sei.

Sei que te amei

mas não mais estás aqui.

Preciso de ti.

 

 

Malik

 

 

07
Jan21

Ao acordar

Malik

 

aoacordar2.jpg

 

 

Um galo cantou

logo me acordou

ao raiar do sol,

estendi a mão

procurei-te em vão,

frio o lençol;

 

Sentei-me na cama

fiz filme de drama

oco de ilusão,

já bem acordado

ergui-me cansado

arrastei-me pelo chão;

 

Olhei o espelho

onde a batom vermelho

se podia ler,

fui trabalhar

volto ao jantar

para te amar, para viver.

 

 

Malik

 

 

04
Jan21

Dilemas

Malik

 

dilemas1.jpg

 

 

Deixo-me abraçar pela inquietude

enquanto a melancolia me invade,

preciso desenhar uma atitude

que ignore a longitude,

que não castre a liberdade;

 

Estranho sentir incerto,

nem lhe conheço a razão,

é oásis sem deserto

num infinito tão perto,

em espaço de solidão;

 

Para agravar o dilema,

disponho de papel e pena

mas não da solução.

 

 

Malik

 

 

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Janeiro 2021

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub