Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Malik, uma outra forma de poesia

Malik, uma outra forma de poesia

28
Fev21

Noites

Malik

 

noites1.jpg

 

 

Há noites que custam a passar

trevas que parecem não ter fim,

fantasmas e demónios que teimam em ficar

feridas que não deixo fechar

mágoa e dor bem fundo em mim;

 

Nasce o tempo de pensar

em fazer um exorcismo,

sentir tão negro é penar

viver assim é continuar

no caminho do abismo;

 

Por uma frincha qualquer

um raio de sol entrou,

dei-lhe nome de mulher

lembrei-me de um malmequer

que um dia me deslumbrou;

 

Para a luz entrar tudo abri de par em par

num impulso de libertação,

estou exausto de hibernar

vou reaprender a amar

com ternura e com paixão;

 

Vou colocar novas portas

feitas de sol e magia

e a noite será dia!

 

 

Malik

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Fevereiro 2021

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub